7.3.08

Queda de cara na realidade

Arsenal "atropela" o Milan: faltou fôlego ao experiente time rossoneri

Atual campeão europeu, o Milan era o franco favorito no confronto contra o Arsenal. Não porque tinha o melhor time dentro de campo, mas porque era o atual campeão, mais experiente, mais copeiro, etc. No entanto, na hora que a bola rolou, faltou perna pro Milan correr atrás da jovialidade dos Gunners. O Arsenal foi muito melhor nos dois jogos e a corrente eliminação do time rossoneri confirmou algo que todos sabiam, mas não queriam enxergar: O Milan necessita de uma renovação radical e profunda em seu elenco. Necessita de jogadores em todas as posições, e alguns world-class em posições-chave do elenco. Elenco esse que atualmente é discrepante no que diz respeito a idade dos seus jogadores. Um verdadeiro abismo entre os trintões e os garotos, falando dos principais jogadores da equipe. As esperanças do ataque, Pato e Alberto Paloschi, não têm nem 20 anos. Já figurinhas carimbadas como Inzaghi, Cafu e cia. já passam dos 34 anos.

O título da Champions da última temporada mascarou o Milan de hoje: um time que faz campanha ireegular no Calcio, que não pode repor a ausência de um Seedorf, um Pirlo e principalmente, um Kaká. Esse mesmo Kaká que não brilhou ainda este ano, mas que foi fundamental no título da temporada passada, levando o time nas costas. Fora toda a contestação que existe sobre os métodos do técnico Carlo Ancelotti, um retranqueiro assumido, mas que sempre calou seus críticos fazendo ótimas campanhas nas últimas temporadas. O manda-chuva do Milan, Silvio Berlusconi, já falou para quem quiser ouvir que dá apoio irrestrito ao atual técnico. Posto isso, é preciso planejar diversas contratações para que o Milan possa impor respeito não apenas pela seu vasto currículo no futebol europeu, mas com um time realmente competitivo.

Não defendo a exclusão de todo o elenco – nomes como Gattuso, Pirlo, Seedorf e Jankulovski ainda podem dar muito ao Milan – mas existem jogadores que não têm utilidade no elenco rossonero atual, seja por idade ou desgaste (por vezes, os dois), como Cafu, Dida, Kaladze, Emerson e etc.

A realidade chegou aos milanistas, eliminados na Champions e penando para conseguir a classificação ao principal torneio europeu de clubes em 2008/09, já que está a quatro pontos da Fiorentina, quarta colocada do Campeonato Italiano, restando doze jogos para o fim. Por isso, renovar é preciso!

*Recomendo a leitura do bom artigo sobre a situação do Milan, “No meio do caminho tinha uma pedra...”, do blog QuatroTratti.

2 comentários:

gerson sicca disse...

a gurizada deu um cansaço nos experientes do Milan...

Net Esportes disse...

O Milan precisa de uma reformulação, ontem estavam quase perdendo o jogo e marcaram 3 a 1 no finalzinho quando Kaká acordou... se bobear ficam fora da Liga no ano que vem.