27.10.09

Quem leva?

Justamente na rodada em que o Palmeiras teve sua derrota mais arrebatadora (contra o Náutico estava muito desfalcado), todos os outros concorrentes diretos venceram... O resultado dessa combinação? A menor distância entre os cinco primeiros colocados na era dos pontos corridos. Apenas três pontos. Isso sem falar no Cruzeiro, que ainda chega com chances. Mas ao contrário de muitos, prefiro não exaltar a qualidade do Brasileirão em 2009. A disputa é inegável, mas o nível das partidas é, no mínimo, questionável.


Explico. O Palmeiras tinha quatro pontos de vantagem há 4 rodadas atrás. Nos últimos 4 jogos, conquistou apenas 1 ponto, e ainda assim permanece isolado na liderança. Pressionado é bem verdade, mas só o fato de não ter perdido a ponta já diz muito... As equipes estão muito irregulares.

Acredito que a fragilidade técnica dos times e das partidas se reflete na tabela. E olha que esse ano eu não vejo os elencos tão fracos assim... É uma questão de futebol mesmo, ou melhor, da falta dele. A partida entre São Paulo e Santos deixou isso claro. Muitos exaltaram o clássico por causa da chuva de gols. Talvez para a televisão tenha sido um partidaço. Mas não foi. Na verdade, só vi dois times desorganizados e irresponsáveis defensivamente. Desafio qualquer um a me provar taticamente o que houve de extraordinário.

Com o fim do campeonato se aproximando, a semana começou em clima de previsões e cálculos. Os matemáticos voltaram a aparecer com aqueles cálculos patéticos, que nunca dizem nada. E muitos apostam as fichas em Flamengo e Atlético Mineiro. Será? Talvez eu seja muito paulista para acreditar que qualquer um dos dois vença a disputa. Não consigo ver esse título escapar de Palmeiras, Internacional e São Paulo. Principalmente, dos dois primeiros. Por mais instável que seja o futebol de ambos...

6 comentários:

Filipe Araújo disse...

Sei não! Excepcional pergunta! jejeje

Saludos!

http://gambetas.blogspot.com

Anônimo disse...

Vc questiona o nivel do campeonato...eu questiono vc a me responder qual foi ultimo time fantastico no futebol brasileiro? eu acho q somente o cruzeiro de 2003...de la pra ka tds os campeonatos foram vencidos por times normais, q naum tinham nada de especial...veja os times em disputa esse ano e vera q sao mt melhores q ano passado e temos realmente 6 times bons nesse campeonato q caso venham a vencer naum terao nada a menos q nenhum dos times q venceram os campeonatos desde 03...eu diria q fizeram ate mais pela dificuldade enfrentada em campo.

Felipe Brisolla disse...

Caro leitor,

Por questões editoriais óbvias, costumamos deletar cornetagens anônimas... Mas como você suscitou um debate, vou responder.

Em primeiro lugar, não questionei a falta de times "excepcionais". Aliás, falar que um time foi extraordinário é algo subjetivo. Cada um tem uma opinião.

Apenas critiquei a falta de times que se imponham dentro de campo e que vençam partidas de forma incontestável. É uma questão de futebol mesmo. O maior exemplo dessa fragilidade é o líder do campeonato. Nas últimas vitória do Palmeiras (Barueri, Atlético-PR, Santos e Cruzeiro) o time jogou mal e deu muitas chances aos adversários. É claro que este ano os elencos estão mais recheados de bons jogadores... Mas isso não se reflete em campo. As partidas são normalmente fracas.

E só para refrescar sua memória. O Santos de 2004 tinha um time muito bom. Foi o maior ataque da história de todos os brasileirões, com mais de 100 gols marcados. Em 2007, o São Paulo teve uma das três melhores de todos os tempos, e ainda venceu a competição com 4 rodadas de antecedência... Acho que o time era bom, né?

Enfim, não adianta ter estrelas se o aproveitamento dos times da ponta é mediano. Além dos mais, muitas equipes na briga pelo título é sinal de nivelamento sim, só que por baixo.

Leandrus disse...

Eu concordo completamente quando se diz que as equipes estão irregulares, mas quanto a fragilidade técnica dos times...sei lá...não discordo, mas acho a palavra um pouco forte.

Talvez ríspida demais, até porque estou gostando do nível do campeonato. O que temos a lamentar mesmo é a irregularidade: vários times demoraram a se encontrar, como São Paulo, Flamengo e Cruzeiro e outros tropeçaram quando a tarefa parecia fácil demais, como Palmeiras e Atlético-MG. Talvez isso faça do campeão dessa edição um campeão meio estranho. Mas sei lá, posso estar viajando, rs

Ateh!

André Augusto disse...

Eu acho que não há uma equipe forte defensivamente, mas com ataques acima do normal, se formos comparar com os outros anos. Talvez, a irregularidade esteja maior. Mas o Flamengo, que começou mal o campoenato, já bate 10 jogos invictos. Já o Cruzeiro, depois do baque da Libertadores, lidera o segundo turno. Pelo elenco, ó único que chega a "decepcionar" talvez seja o Inter. Mas caminhamos para a decisão mais emocionate da era dos pontos corridos.

Vinícius Franco disse...

Perfeito, principalmente na parte "Os matemáticos voltaram a aparecer com aqueles cálculos patéticos, que nunca dizem nada."